Em Dia Com a Saúde – As próximas ondas da pandemia

30 de maio de 2020

O fim da primeira onda de contaminação pela Covid-19 não irá significar o término dos impactos na sociedade e no sistema de saúde. Médicos e pesquisadores já prevêem pelo menos outras três ondas, que irão pressionar igualmente os hospitais, profissionais e a infraestrutura disponível para assistência. A segunda onda seria a de pacientes com sequelas da doença. Já a terceira e a quarta ondas não estariam ligadas diretamente ao coronavírus: seriam consequências da pandemia. Com uma quantidade imensa de consultas e cirurgias adiadas, a demanda reprimida irá chegar às unidades de saúde logo em seguida. Também entrarão nessa lista os pacientes crônicos sem acompanhamento adequado e os casos agravados por falta de tratamento em seus estágios iniciais, como pequenos AVCs. Doenças psiquiátricas ou psicossomáticas formariam o último grupo, com casos crescentes de transtornos de ansiedade, depressão e também transtorno de estresse pós-traumático. O neurologista Eduardo Jorge Custódio explica como é importante que o sistema de saúde esteja preparado para essas próximas etapas.

Receba notícias & boletins do blog FMPFASE